Início > Conteúdos > Lendo
O governo Costa e Silva (1967 - 1969).

A decretação do AI-5

Durante o governo do marechal Artur da Costa e Silva, cresceram, no País manifestações públicas contra a ditadura militar. Apesar de uma repressão policial violenta, estudantes saíram às ruas em passeatas, operários organizaram greves contra o arrocho salarial, políticos mais corajosos faziam discursos atacando a violência da ditadura, padres progressistas pregavam contra a fome do povo e tortura, que passou a ser praticada pelos órgãos de segurança contra os adversários da ditadura.

Diante das pressões da sociedade em favor da democracia, o governo militar reagiu furiosamente. Foi decretado o Ato Institucional nº 5 (o AI-5), o mais terrível instrumento de força lançado pelo regime militar.

Utilizando o AI-5, o governo prendeu milhares de pessoas em todo o País, fechou o Congresso Nacional por prazo indeterminado e cassou os mandatos de 110 deputados federais, 160 deputados estaduais, 163 vereadores e 22 prefeitos, além disso, afastou quatro ministros do Supremo Tribunal Federal.

Tancredo Professor . 2021
Anuncie neste site
Twitter