Início > Conteúdos > Lendo
Leonardo da Vinci e as técnicas renascentistas

A capacidade criativa do ser humano parece sintetizar-se nos progressos técnicos do Renascimento. O maior avanço ocorreu entre 1450 e 1470. Nesses vinte anos houve o aparecimento da imprensa de tipos móveis, da mola espiral e da primeira fortificação moderna. Tais progressos ligam-se à experiência técnica medieval que desenvolveu os moinhos de água e de vento, a charrua (arado) com rodas e tração animal, a arquitetura românica e gótica e os relógios mecânicos durante a Baixa Idade Média.

O nome mais lembrado como representante do Renascimento é o de Leonardo da Vinci. Nascido na Península Itálica em 1452, foi pintor, poeta, músico, arquiteto, cientista e matemático. Em síntese, um humanista. Nas artes, Leonardo da Vinci tornou-se célebre pelo seu quadro Mona Lisa, hoje pertencente ao acervo do Museu do Louvre. Entre seus planos e desenhos foram encontrados projetos de máquina de tosar animais, carro de guerra, macaco de elevação (semelhante ao usado em automóveis), canhões, máquina voadora (ele não chegou a desenvolver a fonte de energia para fazê-la voar), moinhos de água, fortalezas e diversos estudos de anatomia humana.

Tancredo Professor . 2019
Anuncie neste site
Twitter