Início > Conteúdos > Lendo
RENASCIMENTO CULTURAL. HUMANISMO

RENASCIMENTO: EXPRESSÃO E CARACTERÍSTICAS

- HUMANISMO: expressão maior do Renascimento. O Antropocentrismo apresenta o homem como centro do universo, elevando-o à condição de "medida de todas as coisas". O antropocentrismo é a oposição ao Teocentrismo Medieval.

- CLASSICISMO: renovação do interesse pelos estudos clássicos. Reinterpretação e reintegração dos valores latinos e gregos à realidade do homem da Renascença.

- INDIVIDUALISMO: o despertar do espírito crítico rompendo a barreira do Medievalismo. O homem abandona o espírito corporativo, místico e tradicional que predominava na Europa na Idade Média.

- HEDONISMO: busca a plena realização espiritual, a autossatisfação e a constante busca do belo.

- NATURALISMO: a integração do homem à natureza. A redescoberta da íntima relação com o universo marca o movimento renascentista.

- REJEIÇÃO DOS IDEAIS MEDIEVAIS: as instituições que condicionaram o mundo medieval/feudal vão sendo progressivamente abatidas. Ex.: Cavalaria.

- MECENATO: desenvolvimento da erudição da arte, literatura e ciências. Os mecenas pertenciam à elite burguesa, o que irá refletir exatamente o elitismo da burguesia rica.

- ESPÍRITO CRÍTICO; favoreceu o desenvolvimento das ciências, especialmente a Matemática, Física, Astronomia e Medicina. Valorização da observação direta dos fenômenos através da experimentação.

 

RAÍZES DA CIVILIZAÇÃO RENASCENTISTA

. Desenvolvimento cultural nos fins da Idade Média.

. Redescoberta das artes e literatura latinas.

. Valorização das artes e letras gregas.

. Influência bizantina e sarracena.

 

CONDIÇÕES HISTÓRICAS FAVORÁVEIS PARA A ITÁLIA TER SIDO O BERÇO DO RENASCIMENTO

. Atuação dos mecenas.

. Prosperidade econômica.

. Apego ao naturalismo.

. Sensualidade e hedonismo.

. Predomínio da razão.

Tancredo Professor . 2017
Anuncie neste site
Twitter